Usuários on line

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

MAS QUE VERGONHA !!! O MUNDO INTEIRO LEU ISSO ...


Jornal alemão chama inauguração da Arena de 'caos' e define gramado como deserto

Do UOL, em Porto Alegre
  • Comentários39
A inauguração da Arena do Grêmio, no último sábado, recebeu o Hamburgo para um amistoso. O evento, no entanto, não agradou os alemães. O jornal Bild tratou a festa como um 'caos' e chamou o campo de 'deserto'. Enquanto o jornal Morgen Post ainda acrescentou que havia poças de urina no vestiário oponente.

HAMBURGO IRONIZA NO TWITTER

  • O Grêmio inaugurou seu novo estádio neste sábado com grande festa e vitória por 2 a 1 em amistoso contra o Hamburgo. Mas o campo de jogo passou longe de estar completamente pronto. Com partes ainda sem a 'atadura' de grama artificial, o gramado fez Vanderlei Luxemburgo preservar os jogadores do Grêmio temendo lesões e gerou ironia do rival
Em reportagem cujo título era "Jogo de caos no Brasil" o duelo é descrito como um grande problema. Após assistirem a festa, segundo a reportagem, os jogadores do Hamburgo se decepcionaram.

"Quem esperava que a inauguração da Arena fosse um jogo de futebol com a bola rolando em um tapete verde ficou amargamente decepcionado. Principalmente pelos lados do campo, que eram como um deserto", diz no texto.

"Estávamos com a condição física em risco. Eu pedi para o árbitro acabar o jogo pois o futebol era quase impossível", disse o defensor Dennis Diekmeier ao jornal alemão.

A briga dos torcedores do Grêmio também foi descrita na reportagem. Os aficionados foram chamados de 'loucos' pela ação, contida somente com intervenção dos policiais.

Por fim, o periódico revela que o elenco não conseguiu tomar banho nos vestiários da Arena. O motivo teria sido falta d'água. "Acabaram seminus", diz a matéria. No entanto os atletas do Hamburgo estavam com uniformes de passeio na saída.

O jornal Morgen Post foi além ao detalhar o vestiário dos oponentes. Segundo a publicação, poças de urina, chuveiros quebrados e areia se acumulavam no piso.

Na saída, nova confusão. O ônibus do Hamburgo não foi escoltado pela polícia, demorou 35 minutos para deixar o estádio, e os jogadores ficaram revoltados, segundo a imprensa alemã.
A Arena do Grêmio, localizada na zona norte de Porto Alegre, foi inaugurada com grande festa e amistoso vencido pelo time local por 2 a 1 sobre o Hamburgo. O estádio, com capacidade para 60,1 mil torcedores tinha obras inacabadas e apresentou problemas de segurança na inauguração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário